Método contraceptivo diafragma

Método contraceptivo diafragma

0 Comentário
Métodos Contraceptivos

O diafragma é um método contraceptivo constituído por uma capa de borracha flexível que se introduz na vagina de modo a que o colo do útero fique tapado. Assim o diagrama actua como uma barreira física que impede a entrada de espermatozóides no útero.

O diafragma tem diversos tamanhos que variam de 5 a 10,5 cm. O ginecologista mede, com anéis medidores, o tamanho adequado para cada paciente. É papel do médico orientar a paciente quanto a correcta colocação e remoção do diafragma.

Este método contraceptivo deve ser utilizado juntamente com um espermicida, para aumentar a sua eficácia. Deve ser colocado até cinco horas antes da relação sexual e deve permanecer colocado nas 6 a 8 horas seguintes.

A grande vantagem deste metodo contraceptivo para a mulher é que não tem efeitos secundários. Para a aquisição do diafragma, a mulher deve fazer uma consulta de planeamento familiar ou ir ao seu ginecologia para se determinar quais são as dimensões do diafragma adequadas para a sua constituição física e para aprender como o colocar de forma correcta e como fazer a sua manutenção.

O diafragma raramente apresenta problemas secundários. Estes, quando surgem, podem estar relacionados com reacções alérgicas ao espermicida, más condições de higiene ou ao tamanho da cúpula. Nesse caso, é fundamental voltar ao ginecologista.

Não existem estudos relativos a quanto é o tempo ideal para colocação e retirada do diafragma. Após a remoção o diafragma deve ser lavado em água morna e sabão neutro, secado e guardado em seu estojo. Também pode ser pulverizado com pó de amido. Num entanto, um único diafragma costuma durar aproximadamente dois anos. Mais uma vez, para potencializar seu efeito contraceptivo, recomenda-se o uso de gel espermicida.

 Vantagens deste método contraceptivo

Não tem efeitos hormonais no organismo.
Não interfere com o acto sexual, podendo ser colocado algumas horas antes de ter relações sexuais.
Durante o período menstrual evita que haja saída de sangue menstrual para a vagina, facilitando as relações nessas ocasiões.

Desvantagens deste método contraceptivo

A escolha da medida do diafragma e o ensino da sua aplicação devem ser feitos por um médico;
Deve ser usado conjuntamente com um espermicida;
Só deve ser retirado 6 a 8 horas após a relação sexual;
Quando mal aplicado, pode provocar fístulas ou lacerações vaginais;
Pode haver alergias à borracha ou ao espermicida;
Não protege das doenças sexualmente transmissíveis.

Tags:,

Deixe seu Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *